Família desaparece em MG depois de desviar da BR-040; carro seguia para Confins

Uma família que estava a caminho do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, desapareceu nas proximidades da Serra da Moeda, nos limites da capital mineira, no início da tarde de sábado (8). Um idoso, de 73 anos, pai de uma das pessoas que estavam no veículo, acionou a Polícia Militar (PM). 

Segundo o boletim de ocorrência, o último contato ocorreu quando o pai de Henrique Alexandrino dos Santos, de 41 anos, recebeu uma ligação do filho por volta das 13h25, na qual ele o informou que, devido ao bloqueio na BR-040, a família, que vinha de Paula Candido, na Zona da Mata, percorreria um caminho alternativo. Lucas, sobrinho do homem, informou que, provavelmente, a família seguiu em desvios ou na Serra da Moeda, ou na Serra do Rola-Moça.

Depois disso, não houve mais contato com os desaparecidos. O carro, conduzido pelo motorista Geovane Vieira Ferreira, de 42 anos, que é primo de Henrique, é um Toyota Corolla, prata, de 2006. Estavam no automóvel, também, a esposa do homem, Deisy Lúcia Cardoso Alexandrino Santos, de 40 anos, e os dois filhos do casal, Vitor Cardoso Alexandrino Santos, de 6 anos, e Ana Alexandrino Santos, de 3 anos.

“Não sabemos se procuraram um desvio pela Serra da Moeda ou pela Serra do Rola-Moça. Familiares foram até o local tentar encontrá-los. Estavam na prefeitura de Moeda, mas nada foi achado até agora. Sabemos que há algumas fazendas que acolheram pessoas ilhadas, e estamos procurando nesses locais”, explicou o sobrinho de Henrique. 

Ele conta que o desaparecimento ocorre em um momento de tristeza na família que, na virada do ano de 2021 para 2022, perdeu uma tia que sofreu um mal súbito. “Agora, aconteceu isso. Está muito difícil”, lamentou. 

Fonte: O Tempo.

Publicidade

Previous
Next
error: Conteúdo bloqueado para cópia !!