fbpx
domingo, 14 de julho de 2024

Contato

Fiscal de Prefeitura na Grande BH é assassinado a tiros

Por Dentro De Tudo:

Compartilhe

O fiscal de Urbanismo Eduardo Antônio da Silva, de 63 anos, foi assassinado a tiros quando saía para trabalhar nesta quarta-feira (12), em Juatuba, na Grande BH. 

De acordo com o boletim de ocorrência (BO) da Polícia Militar (PM), ele foi morto dentro de um carro, em frente à casa dele.

Ainda segundo o registro policial, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e atestou a morte de Silva, que levou vários tiros. O corpo foi encaminhado ao Posto Médico Legal de Betim, também na Região Metropolitana. 

Policiais militares fizeram diligências e, conforme testemunhas que não quiseram se identificar, os suspeitos do homicídio seriam dois homens a mando de um terceiro. A motivação que, em 2017, o filho de Silva teria matado o pai do mandante do assassinato desta quarta-feira. Até a publicação desta reportagem, ninguém havia sido preso.

Encontre uma reportagem

Aprimoramos sua experiência de navegação em nosso site por meio do uso de cookies e outras tecnologias, em conformidade com a Política de Privacidade.