Untitled Document
FlexSlider 2
megamenu.js | Last responsive megamenu you'll ever need
jQuery Devrama Slider Demo
Agora foragido, arrombador que aterrorizou comerciantes em PL é preso em Sete Lagoas
Agora foragido, arrombador que aterrorizou comerciantes em PL é preso em Sete Lagoas
Da Redação
Publicada 15/01/2020

O autor de inúmeros arrombamentos em Pedro Leopoldo e Matozinhos foi preso em flagrante, nesta terça-feira (14), em Sete Lagoas. Ele era considerado foragido da justiça, após mobilização junto ao Ministério Público, e tinha em seu desfavor um mandado de prisão em aberto. Nesta semana, comerciantes e lojistas se mobilizaram para criar alternativas para frear as ações criminosas deste autor, que tem 33 anos e é morador de Capim Branco.

Segundo a Polícia Militar (PM), o ladrão foi preso após invadir uma residência no bairro Morro do Claro, em Sete Lagoas, no período da manhã. Ele arrombou a janela da casa e furtou relógios, gargantilhas, bracelete, bijuterias, tablet e notebook. No entanto, acabou sendo reconhecido pelas câmeras de segurança e preso minutos depois próximo a um bar localizado no bairro Arizona, onde grande parte do material foi recuperado. Apenas o notebook teria sido vendido para um mototaxista, ainda não identificado.

Conforme apurado, a polícia estava procurando o autor na região para efetuar sua prisão. Ele foi encaminhado ao presídio onde permanecerá à disposição da justiça.

Histórico recheado

O ladrão tem passagens por dano, violação de domicílio, receptação e furto, que é a sua prática mais comum. No total, segundo a polícia, foram registradas mais de 20 ocorrências deste indivíduo, várias delas com prisões em flagrante ou reconhecimento por câmeras de segurança. Ele já agiu em Capim Branco, Matozinhos, Pedro Leopoldo e Sete Lagoas.

O que diz a Lei

Conforme a Lei, a pena para quem comete crimes no Artigo 155 (furto) é de reclusão, de um a quatro anos, e multa. A punição aumenta ainda mais se o crime for praticado durante o período noturno. Se o autor destruir ou romper algo para subtrair, passa a ser furto qualificado, aumentando a pena para até oito anos.

Reportagem: Ronaldo Araújo. 

 Documento sem título
Documento sem título
Documento sem título
Buscas
jQuery Devrama Slider Demo