Marinha vai investigar naufrágio que matou duas pessoas em Capitólio

O Comando do 1º Distrito Naval da Marinha do Brasil vai instaurar um inquérito para investigar as causas, circunstâncias e responsabilidades do acidente que matou duas pessoas no início da noite desse sábado (18/06), no Lago de Furnas, região conhecida como Cachoeirinha, em Capitólio, na Região Sudoeste do estado.

 

Segundo a Marinha, a investigação é importante para reduzir a probabilidade de situações parecidas no futuro. “Concluído o inquérito e cumpridas as formalidades legais, o mesmo será encaminhado ao Tribunal Marítimo, que fará a devida distribuição e autuação, o qual dará vista à Procuradoria Especial da Marinha”.

 

Em nota, a Marinha informou que a Delegacia Fluvial de Furnas (DelFurnas) enviou imediatamente após tomar conhecimento da ocorrência uma Equipe de Busca e Salvamento (SAR) ao local, a fim de prestar o apoio necessário.

 

Quando a equipe chegou, as vítimas já haviam sido socorridas e duas pessoas tinham morrido

 

A Marinha também informou que os proprietários e condutores das duas embarcações que se envolveram no acidente serão notificados para que prestem esclarecimentos sobre o ocorrido e “providenciem a reflutuação da embarcação”. 

A Polícia Civil de Minas Gerais também abriu inquérito pra investigar o acidente.

(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press (14/01/2022)

Ronaldo Araújo

Outras notícias:

Publicidade

Previous
Next
error: Conteúdo bloqueado para cópia !!