quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024

Contato

Motociclista por aplicativo é morto e tem corpo carbonizado por suspeita de traição

Por Dentro De Tudo:

Compartilhe

Um casal foi preso, na noite desta segunda-feira (12), suspeito de envolvimento na morte de um rapaz. O homem estava desaparecido desde domingo (11) e o corpo foi encontrado carbonizado em um local de difícil acesso, no bairro Paciência, em Sabará, na Grande BH. 

Segundo informações da Polícia Militar (PM), Euller Santos da Cruz, de 24 anos, mantinha um relacionamento extraconjungal com a companheira do suspeito, de 29 anos. O homem, ao descobrir a traição, obrigou a mulher, de 24 anos, a marcar um encontro com a vítima para o local onde o crime foi cometido. 

O suspeito confessou que matou Euller com um tiro na boca, arrastou o corpo para um local de mata de difícil acesso e colocou fogo no corpo da vítima. Ainda segundo ele, a arma usada para cometer o crime foi jogada em um rio que passa próximo da região. 

O corpo do rapaz foi encontrado pelo irmão, nesta segunda-feira (12). Ele era procurado desde o último domingo (11). De acordo com os militares, ele localizou a motocicleta que Euller usava para trabalhar como motorista de aplicativo e em um local próximo encontrou o corpo da vítima. 

Os bombeiros foram acionados para remover o corpo do local, por se tratar de uma vala de difícil acesso em uma estrada de terra, em Sabará. 

O homem foi preso por homicídio e a companheira por participação no crime. A perícia da Polícia Civil foi acionada e compareceu ao local.

Fonte: Globo minas.

Encontre uma reportagem

Aprimoramos sua experiência de navegação em nosso site por meio do uso de cookies e outras tecnologias, em conformidade com a Política de Privacidade.