sábado, 24 de fevereiro de 2024

Contato

Quer ser produtivo no carnaval? Conheça 7 estratégias que ajudam no foco

Por Dentro De Tudo:

Compartilhe

A procrastinação, esse hábito que muitos de nós conhecem bem, pode ser um obstáculo significativo em nossas vidas. No entanto, entender suas raízes e adotar estratégias eficazes pode nos libertar desse ciclo vicioso e nos levar a uma vida mais produtiva e feliz. 

Por que procrastinamos? De acordo com Paulo Jubilut, biólogo e professor no Aprova Total, essa tendência pode ser atribuída a uma luta interna entre nossos “anjinho” e “diabinho” pessoais. Enquanto o anjinho nos lembra do que precisamos fazer e nos orienta para objetivos de longo prazo, o diabinho é a voz tentadora que busca prazeres imediatos. Essa batalha interna muitas vezes resulta em adiar tarefas importantes em favor de atividades mais simples e agradáveis. 

No entanto, a procrastinação vai além da simples preguiça. “É o ato de evitar uma ação mais desafiadora, trocando-a por algo mais fácil e gratificante, como passar horas assistindo vídeos no TikTok. Essa busca por gratificação instantânea libera dopamina em nosso cérebro, reforçando o ciclo da procrastinação”, aponta Jubilut. 

As causas da procrastinação podem ser diversas, desde o medo do fracasso até a comparação com os outros. O medo de não alcançar um padrão de perfeição pode levar à procrastinação, à medida que nos encontramos tentando dominar todos os detalhes de uma tarefa. Para combater esse medo, Jubilut aconselha que é importante aplicar a regra dos 70%: buscar dominar inicialmente 70% do conteúdo ou da tarefa, permitindo-nos progredir gradualmente. 

A comparação com os outros também pode alimentar a procrastinação, levando-nos a sentir que nunca seremos tão bons quanto aqueles que admiramos. No entanto, é fundamental lembrar-se de que o verdadeiro objetivo é superar a si mesmo, concentrando-se em seu próprio progresso e desenvolvimento pessoal. 

Para superar a procrastinação, confira as estratégias sugeridas por Jubilut 

1) Encontre o seu “porquê”. Descubra sua motivação intrínseca e paixão pelo futuro que deseja alcançar. 

2) Utilize o quadro dos sonhos. Visualize seus objetivos e manifeste-os em um quadro ou painel de visão. 

3) Regra dos dois minutos. Se uma tarefa leva menos de dois minutos para ser concluída, faça-a imediatamente, sem anotar. 

4) Comece pequeno. Fragmentar tarefas em ações menores pode enganar o cérebro e aumentar a motivação. 

5) Método Pomodoro. Divida o tempo em ciclos de trabalho e descanso para manter a motivação e a produtividade. 

6) Estabeleça prazos pessoais. Defina metas realistas e prazos para si mesmo, respeitando sua capacidade individual. 

7) Cuide da sua saúde mental. Priorize o autocuidado e a saúde mental, pois uma mente saudável é fundamental para manter uma rotina constante de estudo e trabalho. 

Lembrando que a dor da procrastinação é maior do que a dor da ação, podemos encontrar motivação para superar esse hábito prejudicial e alcançar nosso pleno potencial. Com as estratégias certas e um compromisso conosco mesmos, podemos transformar a procrastinação em produtividade e alcançar nossos objetivos com confiança e determinação. 

Encontre uma reportagem

Aprimoramos sua experiência de navegação em nosso site por meio do uso de cookies e outras tecnologias, em conformidade com a Política de Privacidade.