fbpx
sexta-feira, 14 de junho de 2024

Contato

SETE LAGOAS – OAB-MG cria comissão para acompanhar investigação da morte de delegado queimado vivo em MG

Por Dentro De Tudo:

Compartilhe

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) criou uma comissão para acompanhar as investigações da morte de Hudson Maldonado Gama, de 86 anos. O ex-policial civil e advogado criminalista foi queimado vivo em Sete Lagoas, na região Central de Minas Gerais. O crime ocorreu na casa da vítima, no dia 22 de maio. O suspeito de matar Hudson Maldonado se entregou as forças de segurança nessa sexta-feira (25). 

A comissão foi criada sob a consideração que o crime tenha ocorrido por conta do exercício da advogacia.”As apurações preliminares dão conta de que sua tragédia morte decorreu no exercício da advocacia”, informou um trecho do documento emitido pela OAB, em 22 de maio. Integram a comissão os advogados Adilson Geraldo Rocha, Marcos Aurélio de Souza Santos e Ércio Quaresma

 ” Criamos esse grupo na condição de instituição, uma vez que, o crime tenha sido perpetrado pelo exercício da profissão. Vamos acompanhar o inquérito. A OAB vai buscar oficiar esse processo”, acrescentou o advogado Ércio Quaresma. 

Fonte: O Tempo:

Encontre uma reportagem

Aprimoramos sua experiência de navegação em nosso site por meio do uso de cookies e outras tecnologias, em conformidade com a Política de Privacidade.