fbpx
domingo, 14 de julho de 2024

Contato

Pesquisa revela Assédio Moral e Sexual na PRF; Medidas nacionais não avançam

Por Dentro De Tudo:

Compartilhe

Em dezembro de 2023, uma pesquisa interna da Polícia Rodoviária Federal (PRF) do Paraná revelou que 40,4% das mulheres da corporação sofreram assédio moral e 33,3% foram vítimas de assédio sexual. O levantamento foi respondido por 45 das 108 mulheres da PRF no estado, durante o 1º Encontro de Gestoras da PRF.

Os dados destacaram a necessidade de replicação nacional da pesquisa, recomendação que não foi seguida até agora. As participantes também sugeriram campanhas de conscientização, facilitação de denúncias, punição adequada aos agressores e a inclusão de mulheres nas comissões de análise de denúncias.

A Comissão Regional de Equidade de Gênero da PRF no Paraná propôs a criação de um Grupo de Trabalho Permanente e a extensão da pesquisa para todas as PRFs do país. No entanto, uma policial afirmou que nenhuma ação concreta foi tomada em nível nacional desde o envio do levantamento.

A PRF em Brasília afirmou que implementou medidas como campanhas de conscientização e a criação de comissões de equidade de gênero, mas a pesquisa original foi feita justamente durante essas campanhas. A PRF também mencionou a contratação de uma especialista para combater o assédio e a atualização de suas políticas de direitos humanos e integridade.

Apesar das declarações, a falta de ações efetivas após a pesquisa continua sendo criticada, com a percepção de que o problema de assédio na corporação persiste sem soluções práticas.

Encontre uma reportagem

Aprimoramos sua experiência de navegação em nosso site por meio do uso de cookies e outras tecnologias, em conformidade com a Política de Privacidade.