sábado, 13 de abril de 2024

Contato

Prefeitura de Sete Lagoas tem agentes de endemias em todas as regiões e população precisa colaborar

Por Dentro De Tudo:

Compartilhe

A Prefeitura de Sete Lagoas mantém uma verdadeira força-tarefa em operação durante sete dias de semana para combater o mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika. Limpeza de áreas públicas, utilização do carro fumacê em duas frentes, fumacê costal e ainda o aumento considerável nas equipes de atendimento nas unidades de saúde fazem parte deste processo.  

Além disso, outro trabalho fundamental é feito pelos agentes de controle de endemias de casa em casa permitindo a retirada de toneladas de entulhos dos imóveis como aconteceu, na manhã desta quarta-feira, 21 de fevereiro, entre os bairros Luxemburgo e Interlagos II. Apenas de uma residência, localizada na rua Iturama, foi recolhido material suficiente para encher um caminhão.

“Estamos vivendo uma epidemia em Minas Gerais e em vários estados de Brasil. Nosso trabalho é contínuo, mas todos precisam fazer sua parte. Agradeço todos os servidores da saúde pelo empenho e, especialmente, os agentes de endemias que executam este trabalho bem próximo do cidadão”, comentou o prefeito Duílio de Castro quando acompanhava o trabalho na rua iturama.

Os agentes de controle de endemias, realmente, são personagens centrais em várias ações. São mais de 250 espalhados pela cidade, mas o apoio da população sempre será um reforço de peso nesta guerra. “Precisamos de todos juntos nessa missão de eliminar os focos do mosquito. Se alguém identificar uma situação de risco pode denunciar pelo número 160 (Disque Dengue). O mais importante é deixar o agente trabalhar. As pessoas precisam abrir a porta de suas casas para que possamos fazer nosso trabalho”, ressalta Janelize Aguiar, supervisora do Departamento de Controle da Dengue.

Encontre uma reportagem

Aprimoramos sua experiência de navegação em nosso site por meio do uso de cookies e outras tecnologias, em conformidade com a Política de Privacidade.